Zenaldo define com comitê formas para retorno das atividades na segunda

    O retorno das atividades econômicas em Belém voltou a ser discutido em reunião na tarde desta sexta-feira, 29, entre o prefeito Zenaldo Coutinho, equipes das secretarias da Saúde (Sesma) e Economia (Secon), e representantes de diversos segmentos, tanto de setores econômicos como religiosos, empresários e trabalhadores.

    Zenaldo Coutinho iniciou a reunião tratando do decreto divulgado pelo governo do Estado, no início desta tarde. “Alguns dados nos chamaram atenção, entre eles a quantidade de protocolos que traz 36 itens para atividades distintas e a possibilidade de fiscalizar 36 protocolos é difícil. Acho que ao invés de gerar proteção e a especificidade, gera uma enorme confusão para todos”, introduziu Zenaldo.

    “O propósito do nosso grupo, desde o início, é garantirmos a segurança, seriedade e responsabilidade nas definições, mas resguardando e ressaltando a competência municipal”, destacou o prefeito de Belém.

    A proposta de liberação das atividades econômicas foi apresentada em três etapas por Roberto Alcântara, do Conselho Regional de Economia, seguido da avaliação técnica da pasta de saúde, apresentada pelo médico da Sesma, Dr. Raimundo Sena, assessor técnico e membro do comitê.

    A apresentação foi acompanhada por todos os membros do comitê que puderam tirar dúvidas e sugerir alterações na proposta que deve ser fechada ainda neste sábado, 30, para divulgação no domingo, 31 e publicação do decreto municipal logo na manhã de segunda-feira, 01 de junho.

    “Ouvimos todas as propostas e precisamos ressaltar que a epidemia continua viva. Ela tá calma agora, mas precisamos seguir com os cuidados”, ponderou Raimundo Sena.

    A primeira reunião do comitê do retorno da economia foi realizada ainda no dia 19 deste mês e de lá pra cá, vários outros encontros ocorreram com a presença do prefeito de Belém e dos técnicos da economia e saúde. Para Alex Carvalho, presidente do Sindicato da Indústria da Construção do Pará (Sinduscon-PA), as constantes reuniões possibilitaram um diálogo contínuo e com a possibilidade de discussão com todos os setores. “Parabenizo todas as reuniões e, como cidadão, agradeço pelo empenho na garantia com os respiradores, que sabemos da importância para o município, e, deixo aqui meu compromisso do rigor no trabalho”, completou.

    “Não podemos viver o drama de outras cidades que abriram e agora estão vivendo uma segunda onda da Covid-19. Vamos abrir, mas com toda segurança. Teremos de garantir o uso de máscara, álcool em gel e o distanciamento”, encerrou Zenaldo Coutinho.

    COMPARTILHAR