Miss Pará 2019 diz que foi induzida a ser “acompanhante de luxo”. Ouça

    Wilma Paulino – Foto Internet



    A modelo Wilma Paulino, atual miss Pará e miss Itaituba 2019, denunciou a coordenação do evento Miss Pará, por meio de sua conta no Instagram.

    Ela acusa o atual coordenador do concurso, Herculano Silva, de fazê-la aceitar convites de homens poderosos, a chamada “acompanhante de luxo”. No último sábado, Wilma não compareceu ao Concurso em Itaituba para passar a faixa à sua sucessora.

    Herculano Silva negou todas as acusações por meio de sua conta no Facebook. Em 10 minutos, o coordenador do concurso lamentou o depoimento da miss Pará e afirma que a verdade vai aparecer.

    COMPARTILHAR