Órgãos da Prefeitura funcionam em regime especial nos dias de Carnaval

    A Prefeitura de Belém decretou em portaria de número 818/2019, publicada nesta quarta-feira, 27, ponto facultativo dos dias 04 e 06 de março, em todas as Repartições Públicas Municipais.

    As exceções contidas no decreto, no entanto, não se aplicam ao pessoal vinculado às unidades e serviços considerados essenciais no atendimento à população, como os de fiscalização e do departamento de feiras, mercados e portos da Secretaria Municipal de Economia (Secon); unidades que possuam urgência e emergência da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma); Central de Leitos; Unidades de Pronto Atendimento (UPAs); Hospital Geral de Mosqueiro; Central de Ambulância 192; Hospitais de Pronto Socorro Municipal Mário Pinotti e Humberto Maradei Pereira; unidades que possuam urgência e emergência do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Município de Belém (Iasb); cemitérios; Departamento de Resíduos Sólidos (Dres) da Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan); setores operacionais da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob); serviços de Proteção Social Especial de Média e Alta Complexidade, Rede de Abrigos e Casa de Passagem dos Serviços de Acolhida em Abrigo para Mulheres Vítimas de Violência e em Abrigo para Adultos e Famílias em Situação de Rua, Setor de Calamidade e Emergência (Sicape), Centro Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro Pop), unidades de plantão da Fundação Papa João XXIII (Funpapa) e conselhos tutelares; serviços essenciais da Guarda Municipal Belém (GMB); e pessoal sob regime de escala de serviços.

    Bosque – O Bosque Rodrigues Alves Jardim Zoobotânico da Amazônia funcionará em horário especial. No sábado, 02 e domingo, 03, o espaço ficará aberto das 8h às 14h, com venda de ingressos até às 13h.

    Na segunda, 04 e terça-feira de Carnaval, 05, o espaço ficará fechado.

    O ingresso do Bosque custa R$ 2,00, com direito a meia entrada para estudantes e crianças de 7 a 12 anos. Crianças menores de 7 anos e idosos não pagam.

    COMPARTILHAR