5 artistas de Belém que você deveria conhecer

A música do Pará é muito rica e conta com diversos artistas talentosíssimos que misturam ritmos regionais como o eletrobrega ou guitarrada com outros gêneros como house music, rock e pop e criam novas sonoridades bem únicas e brasileiras.
Atualmente o cenário musical paraense está fervendo de novos artistas. Pensando nisso, resolvemos apresentar alguns deles pra vocês. Anotem essa lista!
Strobo
Strobo
Strobo
Strobo é um duo formado pelos músicos Arthur Kunz e Léo Chermont, surgido em 2011. A dupla ficou conhecida pelas suas pesquisas de ritmos, onde misturam a música instrumental com uma roupagem pop, utilizando a tecnologia para misturar timbres sintéticos e acústicos. Suas influências passam pela house music, rock, jazz e um pouquinho assim de carimbó. Quer sacar um pouco mais? Ouça abaixo o álbum “Strobo 4″.
Lucas Estrela
Lucas Estrela
Lucas Estrela
Lucas Estrela é um guitarrista paraense de 25 anos. Desde sua infância, o jovem músico foi Influenciado pela guitarrada, gênero musical criado no Pará, originado da fusão de ritmos como choro com o carimbó, cúmbia, merengue, mambo e bolero. Essa influência pode ser vista em seu álbum “Farol” lançado recentemente. O disco é uma mistura synthpop com post-rock e você pode ouvi-lo abaixo.
Liège
Liège
Liège
A cantora e compositora Liège é um nome que vem se destacando na cena musical do Pará. A cantora mal lançou seu último trabalho e já foi convidada para abrir shows de artistas como Johnny Hooker e Tiê. Seu primeiro EP “Filho de Gal”, lançado em 2016, possui músicas que a artista vem compondo ao longo de dez anos de carreira e tratam sobre liberdade de expressão, sexual e de gênero. Sua sonoridade traz uma vibe MPB com uma pegada pop rock.
Jaloo
Jaloo
Jaloo
Amamos muito o Jaloo! O cantor já é conhecido há tempos na cena musical, mas não poderia deixar de estar nessa lista, representando a nata dos artistas paraenses. Jaime de Souza Melo Junior nasceu em Castanhal, cidadezinha próxima a Belém, e desde 2010 vem dividindo suas músicas com o mundo. Ele é um artista plural, seja na sua definição de gênero, seja em suas inspirações. Jaloo faz da música sua arte e trabalha muito bem seu lado visual. Seu disco “#1”, lançado em 2015, traz elementos da música pop, misturados com tecnobrega, eletrônico e indie.
Gina Lobrista
Gina Lobrista
Gina Lobrista
Gina Lobrista, também conhecida como a “índia apaixonada” ou “a diva do povo”, começou sua carreira vendendo CDs a R$ 5 reais no mercado Ver-o-Peso, localizado no centro de Belém. Lá ela levava sua caixa de som portátil e tocava suas músicas de amor embaladas pelo ritmo acoxadinho (sonoridade do brega similar ao arrocha). Assim, acabou se tornando a nova sensação da música paraense. Gina ficou conhecida pelo grande público após surgirem boatos de que ela iria substituir Joelma na banda Calypso, notícia que acabou gerando muita polêmica, mas foi desmentida pela cantora tempos depois. Em 2017, Gina lançou seu segundo álbum, intitulado “Outras canções“. Dá o play:
COMPARTILHAR