O conselheiro André Dias será o novo presidente do Tribunal de Contas do Estado do Pará (TCE-PA) no biênio 2019-2020. Ocuparão o cargo de vice-presidente e de corregedor os conselheiros Cipriano Sabino e Odilon Teixeira, respectivamente. A eleição dos novos dirigentes da Corte de Contas ocorreu durante a sessão plenária de terça-feira, 11.

O conselheiro André Dias recebeu quatro votos para presidente de forma semelhante ao futuro vice do Colegiado, conselheiro Cipriano Sabino. Por unanimidade, com sete votos a favor, o Tribunal Pleno escolheu o conselheiro Odilon Teixeira para corregedor. A conferência dos votos foi realizada pelo procurador de contas Guilherme da Costa Perry, acompanhado pela presidente do TCE-PA, conselheira Lourdes Lima, e pelo conselheiro Nelson Chaves.

O presidente eleito, conselheiro André Dias, agradeceu a confiança depositada pelos seus pares. Ele elogiou a atual gestão, que atuou de forma muito eficiente na condução das atividades do tribunal nos últimos dois anos.

O novo vice-presidente também teceu elogios a respeito do processo eleitoral, realizado de forma tranquila e democrática pela conselheira Lourdes Lima. O conselheiro Cipriano Sabino disse estar à disposição dos demais membros do TCE-PA e conselheiros substitutos, desejando sucesso à futura Presidência, sempre visando ao cumprimento da missão institucional do tribunal.

Eleito corregedor por mais dois anos, conselheiro Odilon Teixeira conferiu o sucesso da Corregedoria ao apoio concedido pela atual presidente do TCE-PA. Ele agradeceu a credibilidade auferida dos demais membros da Corte que o escolheram para liderar a Corregedoria no próximo biênio.

De acordo com o parágrafo 1º do inciso VIII, artigo 14 do Regimento Interno do TCE-PA, os eleitos serão empossados em sessão solene, no último dia útil do mês de janeiro.