Casal descobre que a mulher está grávida – então, são forçados a abater seu cão amado

60

Imagine o cachorrinho mais doce, com um rosto enrugado e patas compridas, um Braco húngaro, chamado Coolio. Ele nasceu em Agosto de 2015 e foi acolhido por, desde cedo, por uma família. Infelizmente, não demorou muito até que uma descoberta muito triste fosse feita por um veterinário.

Coolio tornou-se parte da família e andava com eles para todo o lado… Durante o primeiro ano o patudo e seus pais tiveram momentos incríveis juntos, ele era um cão incrivelmente doce e brincalhão. Sempre que conhecia alguém novo, ele arranjava um presente, um brinquedo ou uma folha!

Coolio era o cão perfeito, um companheiro fiel, que tinha muita cumplicidade com essa família! Mas, um dia, ele começou a se tornar agressivo e mandão. Ele não deixava a família ficar no sofá, nem na cama e a hora de comer estava se tornando perigosa.

Ele não parava de ladrar e rosnar para sua família! Então, um veterinário e um especialista em comportamento foram consultados. Foi aí que se levantaram suspeitas de comportamento dominante, medo, ansiedade ou apenas dor.

Uma noite na cozinha, o cachorro até mordeu Blake (o marido da família), que por sorte não teve nenhum ferimento grave, pois estava com um casaco robusto.

Houveram outros incidentes em que Coolio se “passou” com o casal e por pouco não causaram danos graves. Ele até se lançou agressivamente no vovô sem qualquer razão aparente.

Durante as férias do casal, o cachorro ficou a cuidado de uns amigos, eles eram experientes com cães grandes e, felizmente, não ocorreram incidentes.

Então, a família pensou que o problema estava desaparecendo e que tudo iria ficar bem. No entanto, poucos dias depois, o casal chegou a casa e os amigos disseram que afinal surgiram alguns problemas, mas eles não os queriam preocupar durante as suas férias.

O que alguém faz quando descobre que o cão que amam mordeu alguém? Infelizmente, o cachorro estava se tornando um perigo para outras pessoas além da família! Às 14 semanas de gravidez, o casal viu-se obrigado a fazer algo, pois não queriam colocar o bebê em risco!

Um treinador veio a casa tentar resolver o problema, mas sem sucesso. Então, ele sugeriu que lhe arranjassem um novo lar ou que o colocassem a “dormir”. Mais tarde, um veterinário também veio a concordar com esse testemunho. A decisão foi tomada, nos últimos dias ele comeu suas comidas preferidas e teve o tempo de sua vida!

O casal acreditava que Coolio apareceu em suas vidas por algum motivo e veio lhes ensinar lições importantes, e eles estavam muito agradecidos por isso! No seu último dia, a caminho do veterinário, o casal parou em um parque e ele teve a chance de brincar pela última vez…

A mulher de Blake disse: “Assim que o veterinário veio para fora, eu explodi em lágrimas. Ele passou algum tempo com a gente conversando sobre o que aconteceria e depois levou Coolio para outro quarto para o sedar”.

“Ele estava deitado apoiando a cabeça na minha mão e eu me abaixei para o beijar e dizer o quanto eu o amava. Isso foi o mais próximo que consegui chegar até ele no ano passado, sem me preocupar em ser atacada.”

“Ele lentamente “adormeceu”. Blake estava esfregando seus ouvidos e ele gemeu, ele estava amando. Seus últimos momentos foram passados com as pessoas que mais amava e que o amaram tanto.”

“A vida continuará. Mas haverá sempre uma parte de Coolio connosco.”

Quando você tem um cão, você sabe que um dia terá que lhe dizer adeus, mas essa família não esperava que esse momento fosse tão cedo! O casal sente falta dele todos os dias… Descanse em paz Coolio!

Você acha que esse casal tomou a decisão correta? Compartilhe a sua opinião nos comentários!

Fonte: Doggies

Facebook

Quer mais histórias? Click »


Histórias com Valor

Compartilhar