Evento promove debate científico sobre a Amazônia e o Caribe

9

A Amazônia e o Caribe estarão muito mais próximos, entre os dias 7 e 13 de maio, em um evento organizado pelo Núcleo de Meio Ambiente e Instituto de Ciências Jurídicas da Universidade Federal do Pará, Cesupa e Laboratoire Caribéen de Sciences Sociales. A “Semana de Cooperação Científica Internacional Amazônia-Caribe” reúne pesquisadores da Amazônia e do Caribe para a construção de uma ampla rede de pesquisa e de cooperação científica. O evento será formado por oficina, seminário e workshops, que ocorrerão no auditório da OAB e no Auditório Raimundo Ney Sardinha, no Cesupa.
As duas regiões do planeta estão muito mais ligadas do que se imagina, sendo uma essencial à outra. Um dos organizadores da semana, o professor da UFPA Norbert Fenzl, destaca a ligação existente entre a Amazônia e o Caribe. “As duas regiões são ligadas por meio da enorme quantidade de sedimentos e nutrientes amazônicos levados para o Caribe pelas correntes do Atlântico”, destaca. Segundo ele, a produção de conhecimento e maior compreensão sobre interconexão ecológica entre essas regiões é de vital importância. Para isso, é necessário estabelecer mecanismos de cooperação capazes de avaliar os problemas ambientais e seus efeitos não apenas nas zonas costeiras, mas também em relação aos diferentes ecossistemas da Amazônia e do Caribe.
Biodiversidade – “Enquanto a Amazônia é vista por muitos como o coração da biodiversidade do mundo, a região do Caribe – em especial o Mar do Caribe – é considerada o coração da biodiversidade do Atlântico”, complementa o professor Rodolpho Bastos, também organizador do evento. “Ambas as regiões possuem importância fundamental não apenas para manutenção da biodiversidade e de processos ecológicos em grande escala, mas também como fonte de recursos que sustentam o meio de vida das populações costeiras e, no caso amazônico, também ribeirinhas,”, conclui.
A ideia é, então, integrar pesquisadores de diferentes redes e instituições da Amazônia e do Caribe, visando interligar ações e conhecimentos, possibilitar maior integração entre os pesquisadores e a construção de novos projetos e novas redes. Temas como Zonas Costeiras (continentais, insulares, marinhas e fluviais), Impactos Ambientais, Pressão Social e Econômica, Biodiversidade, Fluxo de Sedimentos e Nutrientes, Pesca, Mudanças Climáticas e Mecanismos de Cooperação estão entre os principais temas a serem tratados durante a semana.
Programação – A semana integra quatro eventos-chave: I Workshop preparatório COFECUB-CAPES: Território e biodiversidade; I Workshop internacional Amazônia-Caribe de Projetos GEF; II Oficina Temática sobre a Proteção Ambiental na Amazônia e o II Seminário Internacional de Cooperação Científica: estudos pluridisciplinares sobre a biodiversidade Amazônica.
Os workshops são restritos à participação dos pesquisadores convidados e serão realizados no auditório da OAB-PA. Já o seminário e a oficina serão realizados no Auditório Ney Sardinha, no Cesupa, abertos ao público. As inscrições já podem ser feitas no site do grupo de pesquisa Best Amazônia.
As atividades do evento darão direito, cada uma, a certificado de 10 horas aos participantes. O público que comparecer ao seminário poderá conferir palestras de professores e pesquisadores da Paris I-Sorbonne, Centro Nacional de Pesquisa Científica (CNRS) da França, LC2S/Universidade das Antilhas, Núcleo de Meio Ambiente (Numa) e Instituto de Ciências Jurídicas (ICJ) da UFPA, Cesupa e do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma/UNEP).
Organização e Apoio – Para possibilitar a realização da Semana de Cooperação Científica, diversas instituições contribuem na promoção do evento. Universidade Federal do Pará, Núcleo de Meio Ambiente da UFPA, Centro Universitário do Pará, Instituto de Ciência Jurídicas da UFPA e Laboratoire Caribéen de Sciences Sociales são os organizadores do encontro. Integram, ainda, a comissão organizadora da Semana Amazônia-Caribe os professores Lise Tupiassu (ICJ/UFPA e Cesupa), Otávio do Canto (NUMA/UFPA) e Jean-Raphaël Gros-Désormeaux (LC2S/Universidade das Antillhas).
O evento é apoiado pela OAB-Pará, CNRS, CEBA, Rede Jambu, GEF, UN Environment, IW Learn, Caribbean Environment Programme, Ideflor-bio, Université des Antilles, CLME, UNDP, Faculdade de Direito, Sectet, Proex e IHGP.
Serviço
“Semana de Cooperação Científica Internacional Amazônia-Caribe”
Local: Auditório da OAB e Auditório Raimundo Ney Sardinha (CESUPA)
Data: 7 a 13 de maio de 2017
Inscrições para o Seminário e  Oficina, acesse aqui.

Socel News

Compartilhar