Como fazer dual boot no Raspberry Pi

49

O Raspberry Pi é um tipo de computador que não possui unidade de armazenamento instalada, como os HDs e SSDs comuns de PCs convencionais. Na placa, sistemas operacionais para IoT (internet das coisas), dados do usuário e aplicativos são guardados em um cartão microSD.

Como usar o Raspberry Pi para ter um servidor de arquivos na sua rede

Essa realidade pode apresentar limitações a usuários que não possuem vários cartões para uso em diversos sistemas diferentes. No tutorial a seguir, você vai aprender a como usar o Raspberry Pi com mais de um sistema operacional no mesmo cartão — com dual boot — a partir do uso do Berryboot. O programa é um bootloader que auxilia no processo de instalação e gerenciamento.

Para criar seu servidor, você precisa de ao menos um HD externo. Quanto ao Raspberry, qualquer versão da plaquinha (com exceção do Zero) dá conta do recado (Foto: Filipe Garrett/TechTudo) (Foto: Para criar seu servidor, você precisa de ao menos um HD externo. Quanto ao Raspberry, qualquer versão da plaquinha (com exceção do Zero) dá conta do recado (Foto: Filipe Garrett/TechTudo))Aprenda como fazer dual boot no Raspberry Pi (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Copie o Berryboot para o cartão de memória que deseja usar. É obrigatório que o microSD esteja formatado em FAT32 (Foto: Reprodução/Filipe Garrett)Copie o Berryboot para o cartão de memória que deseja usar. É obrigatório que o microSD esteja formatado em FAT32 (Foto: Reprodução/Filipe Garrett)

Passo 1. O primeiro passo é baixar o Berryboot e descompactar o arquivo de instalação no cartão microSD que você utilizará no seu Raspberry;

Configure o teclado e as conexões de rede: sem Internet, o Berryboot não conseguirá instalar os sistemas (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Configure o teclado e as conexões de rede: sem Internet, o Berryboot não conseguirá instalar os sistemas (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 2. Instale o cartão no Raspberry Pi e ligue o computador à tomada. Uma tela de configurações será exibida. Você precisará definir layout de teclado e configurações de rede;

Não esqueça das configurações de rede (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Não esqueça das configurações de rede (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Atenção: é obrigatório configurar a conexão com a Internet;

Escolha a unidade representada pelo seu cartão de memória para o processo de formatação (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Escolha a unidade representada pelo seu cartão de memória para o processo de formatação (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 3. Na tela seguinte, em “Disk Selection”, você precisa formatar o cartão de memória. Para não ter confusão, certifique-se de que não há pendrives ou HDs conectados ao Raspberry via USB;

Escolha o primeiro sistema operacional que deseja instalar no seu Raspberry (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Escolha o primeiro sistema operacional que deseja instalar no seu Raspberry (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 4. Agora, você terá que escolher quais sistemas operacionais suportados pelo Berryboot você deseja instalar. Nesse momento, você deve escolher apenas o primeiro deles. Em teoria, você pode até escolher todos, desde que seu cartão de memória tenha espaço suficiente;

Aguarde a instalação ser concluída (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Aguarde a instalação ser concluída (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 5. O Berryboot vai baixar o sistema da Internet e instalá-lo no cartão de memória;

Depois da instalação do primeiro sistema, torna-se possível escolher outros. Clique em Add OS para instalar um novo sistema (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Depois da instalação do primeiro sistema, torna-se possível escolher outros. Clique em “Add OS” para instalar um novo sistema (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 6. Agora, no menu de configuração, você poderá escolher mais sistemas. Clique em “add” para selecionar mais uma (ou algumas) opções para o Berruboot baixar e instalar;

Novamente na lista, selecione o sistema que desejar (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Novamente na lista, selecione o sistema que desejar (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 7. Escolha o novo sistema operacional e, novamente, aguarde o processo ser concluído;

Depois da instalação ser concluída, o Berryboot apresentará a opção de escolha entre os sistemas instalados toda vez que você inicializar o Raspberry (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)Depois da instalação ser concluída, o Berryboot apresentará a opção de escolha entre os sistemas instalados toda vez que você inicializar o Raspberry (Foto: Filipe Garrett/TechTudo)

Passo 8. Quando reiniciar o seu Raspberry, você encontrará os dois sistemas operacionais que escolheu à sua disposição no menu de seleção do Berryboot. Basta escolher o qual deseja rodar e pronto!

saiba mais

 

Techtudo

Compartilhar