Programação especial celebra os 124 anos de Outeiro até domingo, 16

Praia Grande – Foto: Fernando Sette – Comus


Outeiro completa 124 anos nesta sexta-feira, 14, e para celebrar a data a Prefeitura de Belém, por meio da Administração Regional de Outeiro (Arout) e em parceria com a comunidade local, preparou uma vasta programação que tem início nesta sexta e segue até domingo, 16.

Missa, encenação da Paixão de Cristo, culto evangélico, competições esportivas, música, queima de fogos além, é claro, do tradicional bolo e do Parabéns marcaram as comemorações pelo aniversário da ilha de Caratateua.
De acordo com a administradora do distrito, Carol Rezende, a programação foi montada com o apoio da população e pretende atingir todos os públicos. “Este é um momento de celebrar a ilha e quem vive nela. A gente sabe o amor que as pessoas têm por esse lugar, que cuidam como se fosse a sua própria casa. Este é um momento de confraternizar e comemorar os avanços que Outeiro teve”, disse.
O estacionamento da praia do Amor será palco das apresentações da aniversário que se iniciam hoje, às 8h, com a Via Sacra promovida pela Paróquia Imaculada Conceição, que também será responsável pela encenação do espetáculo “Paixão de Cristo”, às 18h. Já no sábado, 15, a partir das 18h haverá uma programação de culto e adoração organizada pela igrejas evangélicas de Outeiro, e às 19h começa a programação musical gospel.
A programação de domingo, 16, marca a festividade pelos 124 anos da ilha. A Arout organizou a Copa Caratateua de Futebol Feminino, com início às 15h, no campo da praça da Água Boa. Também a partir das 15h, no estacionamento da praia do Amor, haverá um aulão de ginástica ao ar livre e aula de zumba e outros ritmos.
Ainda no estacionamento da praia do Amor, a partir das 17h haverá o louvor e a missa campal de Páscoa e aniversário de Outeiro, com apresentações musicais e celebração litúrgica em ação de graças pelo aniversário da ilha de Outeiro.
Às 19h de domingo haverá o concurso Garota Caratateua com a participação de dez candidatas, moradoras da ilha de Outeiro. E, às 20h ocorrerá um dos momentos mais aguardados: o tradicional Parabéns e o corte do bolo. “Este é um momento maravilhoso, pois é a hora que realmente celebramos com a comunidade, o aniversário. Os habitantes da ilha esperam por essa data ansiosos. Se organizam, doam os materiais para a confecção do bolo. A gente fica feliz em fazer parte deste momento”, enfatizou a agente distrital.
Caratateua, a praia no quintal de casa

O amor pela ilha não vem só daqueles que nasceram nela, mas também de quem a escolheu como moradia e o lugar do ganha-pão. Claudionor Moura da Cruz, 53 anos, chegou ao distrito jovem. Ele foi acompanhado da esposa e filhos. “Vim de Icoaraci para cá em busca de algo melhor para sustentar minha família, então vi que a praia era uma boa opção, porque estava sempre tão movimentada que eu podia garantir as vendas da semana”, conta o vendedor.

Claudionor hoje mora bem próximo à praia. Ele alugou uma casa para ficar perto da venda que montou e garante: de lá não quer sair nunca mais. “Viver aqui ainda é muito bom. Outeiro sempre teve seus encantos, acho que foi isso que me trouxe para cá. O lugar é pacato e ao mesmo tempo agitado. Aqui a gente consegue se divertir e ainda ganha dinheiro”, afirmou.
Assim como o vendedor, muitas pessoas migraram para Outeiro em busca de uma vida melhor, devido à tranquilidade do local. “Morar perto de praia já é bom, imagina ter ela como opção de lazer tão próximo de casa, como se fosse nosso próprio quintal?”, declara o vigilante Roger Curtinhas, 40 anos.
“Meus avós já eram daqui e eu vim quando criança. Estudei, me formei, casei e crio meus filhos em Outeiro. Pra gente, viver aqui é um verdadeiro paraíso ao nosso alcance. As praias são maravilhosas, o lugar é agradável, passa por dificuldades como qualquer outro”, disse Roger. “Eu nasci na ilha, minha avó era parteira e eu praticamente nasci à beira da praia do Amor. Nasci e me criei aqui. E confesso que não troco ela por nenhum outro lugar”, admite a esposa de Roger, Adelina Martins.
A ilha de Caratateua está distante aproximadamente 25 quilômetros do centro de Belém, talvez por este motivo seja uma das principais alternativas de quem procura por um balneário, sem precisar sair da capital. As principais são as praias do Amor, Brasília e praia Grande, a mais procurada entre os visitantes.
Investimentos – Outeiro vem recebendo investimentos em diversas áreas por meio da Prefeitura de Belém. Na saúde, houve a construção e reforma da Unidade de Saúde do bairro Fama, reforma e ampliação da Unidade de Saúde do bairro São João do Outeiro e reforma da Unidade de Saúde do bairro Fidélis.
Na educação, Outeiro que abriga a Fundação Escola Bosque, que recebeu reforma e pintura, assim como a Escola Municipal Pedro Demo, no bairro da Água Boa, e a Monsenhor Azevedo, em Itaiteua.
E na área do saneamento, o distrito que foi o primeiro a receber a ação do programa Prefeitura no Bairro. Nesta semana, recebeu serviços de asfaltamento nas principais vias, como avenida Paulo Costa e Nossa Senhora da Conceição e ruas Manoel Barata, Franklin Menezes e Parafuseta, além de mutirões de limpeza nas vias públicas.

Socel News

LEAVE A REPLY