Galaxy S8 ou Google Pixel: compare os celulares top com Android

O Galaxy S8 teve lançamento cercado de novidades, como a tela “infinita”, a assistente Bixby e as especificações de ponta. No entanto, o telefone da Samsung tende a dividir a atenção dos consumidores com o Google Pixel, que embora seja simples, traz um Android Puro e atualizado em primeira mão, além de um preço mais baixo.

Para te ajudar a escolher o melhor smartphone, o TechTudo compara a ficha técnica e traz prós e contras de cada um.

Galaxy S8 e S8 Plus: testamos os celulares da Samsung com ‘tela infinita’

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Design

O Galaxy S8 trouxe mudanças visuais, com destaque para a “tela infinita”, que ocupa 83,6% da parte frontal do aparelho. Como comparação, o display de seu antecessor, o Galaxy S7, ocupa 72,1% da face. Para chegar a este resultado, a Samsung trocou os botões físicos pelos capacitivos e moveu o leitor de digitais para a parte traseira, que continua similar à dos antecessores. Com 8 mm de espessura e 155 gramas, o aparelho chega nas cores preta, cinza orquídea, prata, azul e dourado.

O Google Pixel também aposta em um visual único, com a traseira feita de metal e vidro. Embora use botões virtuais, o aparelho traz margens “gigantes” e a tela ocupa 69% da parte frontal. Contudo, o leitor de digitais é centralizado atrás e promete ser mais fácil de alcançar do que o do S8, que fica ao lado da câmera. Com 8,5 mm e 143 gramas, o telefone do Google está disponível em preto, branco e azul.

No quesito resistência, o telefone da Samsung leva vantagem por trazer a certificação IP68, que permite mergulhos de até 1,5 metro por até 30 minutos. O Pixel, por outro lado, é apenas resistente à água e poeira, não sendo indicado submergi-lo em líquidos. Além disso, o Galaxy é revestido por vidro Gorilla Glass 5, enquanto o rival usa a versão 4, que é mais antiga e mais suscetível a quebras.

Tela

A diminuição da margem fez com que o Galaxy S8 chegasse com um display gigante de 5,8 polegadas, sem que isso afetasse o tamanho do telefone. Trata-se ainda de um painel Super Amoled curvo nas laterais com resolução Quad HD+ (2960 x 1440 pixels), densidade de 570 pixels por polegada e tecla Home sensível à pressão. Já o Google Pixel é bem modesto nesse quesito: usa um Amoled de 5 polegadas, com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) e 441 ppi.

Google Pixel está disponível na cor azul (Foto: Divulgação/Google)Google Pixel está disponível na cor azul (Foto: Divulgação/Google)

Observadas as características, fica evidente que o Galaxy S8 deve entregar uma experiência acima da média para o usuário. O aparelho traz a nova proporção 2:1, que tende a se tornar padrão na produção de filmes e séries nos próximos anos. Já o Google Pixel, apesar da simplicidade, não deve decepcionar quem está procurando por uma tela que apenas “cumpra os requisitos” de um top de linha e sem exageros ou truques.

Câmera

O Galaxy S8 traz um sensor traseiro com resolução de 12 megapixels, idêntico ao antecessor, com abertura de f/1.7, foco de detecção de fases, estabilização óptica, tecnologia dual pixel e flash LED. Já o Google Pixel apresenta uma câmera de 12,3 megapixels com foco misto a laser e de fases, abertura de f/2.0, estabilização eletrônica e flash LED duplo. Tratam-se de bons conjuntos com a promessa de ótimos cliques em diversas condições de luz, mas é preciso aguardar testes mais detalhados.

Lançamento do Galaxy S8: saiba tudo, inclusive preço e especificações (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)Galaxy S8 tem câmera com tecnologia dual pixel (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Para vídeos, ambos podem gravar em resolução 4K, Full HD e em câmera lenta. O Galaxy S8 tende a se beneficiar por conta de sua estabilização óptica de imagem, que gera vídeos menos tremidos e mais nítidos. Embora o Pixel tenha uma estabilização eletrônica (EIS), a tecnologia pode gerar distorções na imagem, ainda que mínimas, em algumas condições de luz.

saiba mais

Para selfies, ambos os aparelhos trazem 8 megapixels de resolução. O Galaxy S8, contudo, chega com um conjunto mais interessante: abertura de f/1.7 para maior entrada de luz, autofoco, vídeos em QHD (1440p) e função Auto HDR para melhorar o contraste. Enquanto isso, o Pixel possui abertura f/2.4 e pode gravar em Full HD (1080p).

Especificações

No Brasil, Galaxy S8 deve vir equipado com um processador Exynos 8895 octa-core com quatro núcleos de 2,3 GHz e quatro de 1,7 GHz, memória RAM de 4 GB e armazenamento interno de 64 GB, expansível em até 256 GB via microSD. Já o Google Pixel traz um processador quad-core Snapdragon 821 com dois núcleos de 2,15 GHz e dois de 1,6 GHz, 4 GB de memória RAM e opções de 32 GB ou 128 GB de memória interna, sem possibilidade de expansão.

Google Pixel tem processador Snapdragon 821, 4 GB de RAM e 32 ou 128 GB internos (Foto: Divulgação/Google)Google Pixel tem processador Snapdragon 821, memória RAM de 4 GB e 32 GB ou 128 GB internos (Foto: Divulgação/Google)

Observando os números, o Galaxy S8 tende a ser mais poderoso por trazer processador mais novo e atualizado. No entanto, o Google Pixel não deve decepcionar, tendo em vista que o Snapdragon 821 ainda continua eficiente e o Android puro do modelo tende a ser bem otimizado pelo Google. Ou seja, ambos oferecerão desempenho suficiente para apps e games da Google Play Store.

Nas conectividades, ambos tem Wi-Fi, 4G, NFC e USB-C reversível. O Galaxy S8 é o primeiro aparelho do mundo a vir com o Bluetooth 5, que tem alcance maior e a possibilidade de transmitir áudio para dois dispositivos diferentes, enquanto o Pixel chega com a versão 4.2. Na biometria, os dois trazem sensor de digitais, mas o aparelho da Samsung pode ser desbloqueado também com leitor de íris e reconhecimento facial.

Galaxy S8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)Galaxy S8 possui Bluetooth 5 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

O Galaxy S8 chega com Android 7.0 Nougat e o Pixel com a versão 7.1, que não deve apresentar grandes diferenças. O aparelho da Samsung conta com extras como a assistente pessoal Bixby, interface personalizada TouchWiz e a possibilidade de virar um PC de bolso por meio do Dex. Enquanto isso, o Google Pixel traz a vantagem de ser o primeiro aparelho a receber atualizações, além de oferecer um sistema puro e enxuto com novidades como atalhos em ícones, Google Assistente e backup ilimitado em alta resolução na nuvem.

Na bateria, Galaxy S8 traz um componente com capacidade maior: são 3.000 mAh contra 2.770 mAh do rival. Apesar disso, vale considerar que a tela do Pixel é bem menor que a do concorrente. Por fim, embora ambos oferecem suporte a carregamento rápido, mas o telefone da Samsung pode fazer isso também por meio da tecnologia sem fio, com a utilização de um suporte.

google-pixel-na-home (Foto: Reprodução/Google)Google Pixel possui bateria de 2.770 mAh (Foto: Reprodução/Google)

Preço e disponibilidade

O Galaxy S8 ainda não foi anunciado no Brasil, mas chega lá fora por um preço inicial de US$ 720 (cerca de R$ 2.242, em conversão direta, sem impostos) em sua versão básica. Há ainda o modelo Galaxy S8 Plus, com tela maior e bateria mais poderosa, por US$ 820 (aproximadamente R$ 2.555). Caso a Samsung siga os últimos lançamentos, o aparelho não deve demorar muito a desembarcar pelo país, faltando apenas confirmar o seu valor oficial.

Já o Google Pixel é vendido apenas nos Estados Unidos e outros países, sendo pouco provável a sua vinda para o Brasil. Quem quiser importá-lo, contudo, pode fazer isso por um valor abaixo do aparelho da Samsung: US$ 649 (cerca de R$ 2.022) na versão simples. Assim como o Galaxy S8, também há uma versão maior, o Google Pixel XL, com preço de US$ 769 (aproximadamente R$ 2.394).

Galaxy S8 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)Galaxy S8 tem preço de lançamento de US$ 720 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Conclusão

A Samsung mudou bastante seu top de linha para agradar consumidores que buscam aparelhos que sigam ou ditem tendências. O Galaxy S8 faz isso com sua tela “infinita”, seu hardware de ponta e promete atrair com diferenciais como a assistente Bixby, o Dex e a atenção à biometria e segurança. O grande “problema” tende a ser o preço, especialmente no Brasil, onde vazamentos já indicam valores na casa dos R$ 4 mil.

O Pixel, por outro lado, é um telefone que deve agradar entusiastas do Google e do Android. O aparelho foi pensado para aproveitar os serviços da gigante de buscas e receber as atualizações de sistema em primeira mão, incluindo as prévias do Android 8.0 O. O desempenho não deve decepcionar, mas a remota chance de lançamento no Brasil sim.

Caso queira pesquisar e conhecer outros tops de linha de 2017 ou do final do último ano, fiquei de olho no LG G6, no Xperia XZ Premium e no iPhone 7 e iPhone 7 Plus. Confira outros comparativos e testes do TechTudo para conhecer no que cada um dos modelos se destaca.

Galaxy S8: qual vai ser o preço do celular no Brasil? Comente no Fórum do TechTudo.

Tabela comparativa entre Galaxy S8 e Google Pixel (Foto: Arte/TechTudo)Tabela comparativa entre Galaxy S8 e Google Pixel (Foto: Arte/TechTudo)

Techtudo

LEAVE A REPLY